Menina de 12 anos se destaca no curso de Robótica Educacional

    Quem pensa que Lego é somente para meninos está enganado. Quem provou isso foi a estudante Karinny Feijó, 12 anos, única menina da “Equipe de Elite” do curso de Robótica Educacional do Centro de Ciência, Tecnologia e Inovação (CCTI). 

     

    Desde o ano passado, ela trocou a boneca pelos bloquinhos que se transformam em robôs. A aluna é destaque na área da pesquisa e, segundo ela, as habilidades foram reconhecidas logo nas primeiras aulas. 

     

    Karinny mesma quem faz os projetos dos robôs, em especial as garras, as quais ela mais se identifica. “Antes de montar as peças de Lego, eu faço um estudo. Com muita paciência e criatividade eu desenvolvo o projeto, que é entregue aos colegas para que seja executado na prática. Meus melhores resultados foram na criação das garras dos carros”, frisou.  

     

    Mesmo em uma sala cheia de meninos, Karinny não se intimida. “Já se acostumaram comigo. Brinco, sou amiga de todos e eles gostam dos meus projetos. O trabalho em equipe é fundamental”, comentou. 

     

    O instrutor Adriel Gomes destacou que a estudante é focada e por isso se destaca na equipe. “A tarefa dela é dar todo o embasamento teórico, como deve ser construído e principalmente, os benefícios do robô. Ela traz novos conceitos para a sala de aula, sejam experiências de outros estados ou até mesmo criadas por ela”, ressaltou. 

     

     

    Fonte: Secretaria Municipal de Comunicação (SEMUC)

    Deixe um comentário